Rabuda Sentando No Pau Do Namorado

5 min

Categoria:

Tag: , ,

visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , ,

Rabuda Sentando No Pau Do Namorado

Rabuda Sentando No Pau Do Namorado

FOI QUANDO ENTRAMOS NO ASSUNTO SEXO.

O meu amigo segura a cabeça dela com vigor e fica estocando a boca dela com vigor. – Sim, mas tem que ser do meu jeito… tenho condições…– hummm…– Vamos marcar no motel, eu vou do meu jeito, e vc do seu… nos encontramos no quarto…– Tá… Só isso??– Calma grandão… Eu quero muito te dar a bunda, mas não sei se aguento seu pau enorme no meu cuzinho virgem… Se eu não aguentar você vai parar… Além do que não quero que vc me toque na frente… Quero ser tratada como uma mulher… – Eu disse com medo dele desistir…– Aguenta sim… Eu ponho devagar… Se vc aguentou esse consolo vc aguenta meu pau… rs… E não vou te tocar, só atrás…- ele parecia certo disso – O que mais???– Máscaras…– Humm????– Sim, máscaras pros dois, vou levar duas máscaras, uma pra mim e outra pra vc… Não podem ser tiradas em momento algum…– Sério? Mas tem que ficar a boca de fora, quero te chupar e ser chupado…– Sim, claro…Ele de pronto respondeu:– Ok, pode ser excitante…Meu coração batia forte… eu estava marcando um programa, uma foda e verdade.

Após alguns minutos ela enlouquecida virou no sofá jogando Roberto no chão e sentando de uma só vez encima dele, que aos berros, com estocadas fortes gozou feito uma cadela no cio.

Não aguentei mais e gozei gostoso,nem percebi que estava gemendo alto demais, que alguém poderia ouvir.

Ela com movimentos bruscos tira a camisa, desabotoa a calça, abaixa o zíper e puxa até tira-la totalmente, deixando-o somente de cueca. chegando em casa toquei uma pensando na porra na minha boca e gozei em segundos. Ela mal se continha, gemia,dizia -coloca mais fundo! eu não estava acreditando como era safada a minha irmã de 14 anos !O Eduardo resolveu ir lá para casa então, nós já tinhamos transado algumas vezes, mas eu não consegui sentir nada, na hora fingi um orgasmo, mas sei que ele percebeu, pois era muito experiênte. Levantei e baixei sua bermuda deixando a mostra um pau delicioso, duro feito uma rocha e babando de tesão. Só que a toalha era pequena, e minha perereca ficou aparecendo.

Eu ali, como uma prostituta, desfilando semi nua na rua, os carros passando e parando para me pagar para ter algo que eu desejava fazer de graça.

No carnaval do ano passado nos 4 (leia o relato anterior para entender) decidimos ir pular carnaval num dos maiores blocos da cidade, o bloco começava 1h da tarde então a gente foi já no começo do bloco porque o meu namorado trabalhava a noite, então ele queria ir pro bloco e depois ia trabalhar.

Ele bateu ate explodir e sair um liquido branco em jatos.

a gente sabe que vc vai voltar putinha rabuda, e me comeram quase que diariamente por uns 40 dias….