Rabuda Comemorando Aniversário De 18 Anos

87 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

87 seg

Categoria:

Tag: ,

Rabuda Comemorando Aniversário De 18 Anos

Rabuda Comemorando Aniversário De 18 Anos

"– Para com isso!!Isabela começou a sugar forte a pica de Gabriel, sentiu a rola pulsar em sua garganta, ela pressentia o goso, forçou ainda mais a rola do namorado em sua boca e com a cabeça invadindo sua garganta começou a receber os primeiros jatos.

Doutô Cléber me liberou do trabalho da fazenda, mas era um cara com algum sentido de observação sobre as pessoas, até me perguntou” MAS TÁ TUDO BEM COM VOCÊ GAROTO,VOCÊ SEMPRE GOSTOU DE TRABALHAR CÁ NA FAZENDA? Ó SE PRECISA AUMENTO PODEMOS CONVERSAR, DE UNS TEMPOS PRA CÁ SEMPRE QUE VENHO NA FAZENDA VEJO VOCÊ DE UM JEITO ESTRANHO, TÁ ACONTECENDO ALGUMA COISA QUE VOCÊ ME QUEIRA CONTAR”.

Em dado momento quando utilizou o taco de aproximação para marcar seu primeiro ponto mostrou mais uma vez seu bom humor e picardia e sorrindo sentenciou: “viram como vou bem com dois tacos!!”"Por incrível que pareça a boneca se curvou e nos disse:“Gente, parece que vcs já se conheciam; Agora que tal os 2 virem me conhecer juntos e aliviarmos esta tensão; Acabou acontecendo e o passado não vai mudar, sendo assim proponho uma surubinha À 3 para nos alegrar comemorando uma nova parceria;"Aí ele para o carro em um rua"Me chamo Guinevere, tenho 28 anos.

Sentada mesmo retirei a parte debaixo do biquini e sentei com as pernas abertas pedindo que um por um viesse até mim e me chupasse. Estou aqui mais uma vez para relatar um fato muito gostoso vivido por mim recentemente. Tentei de vários jeitos , tipo: Vai mãezinha …Isso mesmo mãezona…ou chamar pelo apelido…Me chupa gostoso, Ciça …mas ela parecia nem estar aí, sem se desconcentrar daquela atividade , que posso até chamar de “Aquela Arte”e arrisquei :à porta para ver o que estava acontecendo, então eu disse que não era comcomeçou a gemer alto não demorou muito e gozou, eles me colocaram de quatro,“Mete mais, mete mais ,filhinho. Sabia que ele detestava festas de aniversário e não era isso que ela pensara.

-Ahhhhhh – Foi tudo o que ele conseguiu dizer no momento, e assim que recuperou o fôlego me chamou novamente de puta e repetia sem parar :– Aí que delícia, vai rebola mais, sua puta rabuda, vai, vai, isso, rebola essa buceta no meu pau vai. Agora você vai dar um show para mim, respondeu.

Não demorou muito o Rafa gozou e muito na minha buceta.