Morena Rabudinha Sendo Enrabada Bem Gostoso

visualizações

8 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Morena Rabudinha Sendo Enrabada Bem Gostoso

Morena Rabudinha Sendo Enrabada Bem Gostoso

Carol respondeu:-Uau !! Não sabia que você achava tudo isso de mim. – Deixa eu fazer aquilo que você me ensinou? – Estou achando uma loucura, mas pode fazer… Ela se inclinou na direção dele e fez-lhe um boquete gostoso. "Estava eu na minha casa jogando em meu computador (na época com 16 anos, hoje tenho 18), quando a familia da minha tia chegava em casa para conversar, com minha prima (na época 15 hoje 17) usando um vestido e uma sandália. Eu não sabia que eles tinham esse desejo sexual…… o ambiente estava claro demais… peguei meu celular e tirei essa foto dela fazendo pose…. Sua fantasia era ser surrado e humilhado e era assim que ele gozava.

No primeiro dia a levei cedo para o local de provas e disse que voltava dentro de 3 horas para buscá-la. Perguntou aos vizinhos e de um deles recebeu a indicação de um rapaz, novo, mas muito competente. Perfeito!!! E assim o fiz, fiquei de quatro e pedi pra que comesse meu rabinho que já não agüentava mais, queria sentir aquele pau delicioso nele. Não deu para ninguém,,,,Fiquei num 69 com ela enquanto ela era enrabada pelo meu marido.

Aquilo já estava deixando eles em ponto de bala. Como estava com dificuldades na escola, meu pai disse que iria falar com ele para me dar algumas aulas particulares durante os sábados.

70/75 uns 82 kg morena cabelo castanho, sempre toda linda pelo o que sua profissão exige, bem arrumada e maquiada.

O cassetete entro bem superficial e estava apenas separando os lábios da minha bucetinha, resolvi dar uma reboladinha e logo o policial enfiou um pouco mais o cassetete e eu rebolei um pouco mais e logo ele começou um movimento de vai e vem com o cassetete e senti seu pauzão duro sendo esfregado pela minha bundinha. E só a ideia abstracta de uma rapariga a deitar-se na minha cama… e não era uma rapariga qualquer… era a Luana.

então vamos fuder mais!!… Ele mesmo levantou minhas pernas e voltou a meter o pirocão dele no meu rabo que estava todo inchado de tanto maltrato.