Morena Rabuda De Quatro Levando Rola

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: , , , ,

Morena Rabuda De Quatro Levando Rola

Morena Rabuda De Quatro Levando Rola

Eu disse que apesar da saudade estava td ótimo, não quis esticar MT a conversa pq queria me preparar pra minha primeira noite de puta, mas PUTA DE VERDADE. Eu gritava por mais e fiz o que ele havia me pedido mais cedo.

Sandra perguntou para Rebeca se era normal nossa vida assim. De seus vinte e três anos. -Ahhhhhh – Foi tudo o que ele conseguiu dizer no momento, e assim que recuperou o fôlego me chamou novamente de puta e repetia sem parar :– Aí que delícia, vai rebola mais, sua puta rabuda, vai, vai, isso, rebola essa buceta no meu pau vai. Leon se posicionou atrás de Maya esperando o momento certo para investir naquele cuzinho a tanto desejado o ANJO MASCARADO começou a gemer mais alto levando Maya a loucura nem percebendo que Leon começou a roçar seu pau no cuzinho da Maya que não dava de jeito nenhum gostava muito de umas belas passadas de língua mais dar nunca tinha medo receio.

a noite depois da filha dormir fui pra cima do meu homem que amo e comecei atiçar ele dizendo que tinha saído a tarde é que outro homem tinha mi cantado ele ficou com tesão na hora mi pegou de quatro socou o pau prá dentro e mi comeu com vontade eu tomando coragem perguntei se ele tinha gostado de saber ele disse sim safada….

Ela era uma morena de seios grandes, apesar de ser magra. Ele falava “goza rápido na boca do seu bezerrão!”. Cheguei ao tal barzinho, foi quando o tal português de nome Antônio se aproximou de mim, era um homem grisalho de aparentemente 45 anos, muito atraente, estava com uma alça jeans e uma camisa social, um sapa-tênis segurava em uma das mãos uma cerveja, ele foi bem solicito, veio logo me cumprimentando com um abraço, quando ele me abraçou, notei o quanto era maravilhoso o seu perfume o notei o quanto era forte o seu abraço, ele me perguntou se eu aceitava uma cerveja, então eu recusei, não tenho o costume de beber, ainda mais com um estranho, ele perguntou onde eu gostaria de ir e saímos para dar uma volta pela cidade, como ele morava em Lisboa e estava a pouco tempo no Brasil, não conhecia muito bem, nosso nossos barzinhos e cidades.