Comendo A Buceta Da Loirinha Arredia Loira Com Fome De Rola Deixa Sua Buceta Babada

Comendo A Buceta Da Loirinha Arredia Loira Com Fome De Rola Deixa Sua Buceta Babada

Comendo A Buceta Da Loirinha Arredia Loira Com Fome De Rola Deixa Sua Buceta Babada

depois de mãiinha prestar chupadas de tudo o que é jeito naqueles cinco gringos com a boca durante uma meia hora Gelson deu ordem pra ela ficar de quatro num colchonete que tinha no centro da sala, ordeiramente cada um dos gringos foi pra cima de minha mãiiinha socando seus paus na buceta dela com força.

Fui andando a caminho da praia,haviam algumas pessoas pelas ruas e quando cheguei ao calçadão,senti o vento no meu rosto e corpo,andei um pouco até que resolvi sentar em um banco,fiquei alguns minutos sentado,vendo as gatinhas passarem até que me levantei para voltar pra casa e,quando estou próximo a saída para a rua de casa,vejo passar um mulherão,bronzeada,loira,estatura média,peitos firmes e uma bundinha muito gostosa que fez meu pau ficar duro na hora pois estava de cueca boxer e o tecido de minha bermuda era bem leve,o que denunciou meu tesão,tentei desfarçar colocando a camiseta que levei na frente pois não a vesti,continuava sem camisa por conta do calor mas ela havia visto meu volume e sorriu dizendo:Oi gato,você é daqui mesmo,está sozinho?.

Foi tão gostoso minha loirinha.

"ola pessoal, esse é meu primeiro “conto”, mas sempre fui amante de animais, como sou de interior na minha adolescência sempre fui tarado kkkk e descarregava nas ovelhas no sitio inspirado pelas historias do meu pai que dizia que pegar as ovelhas fazia o pau crescer kkkk, entao acho que isso ja vem de familia sempre via o velho deixar as vacas lamber o pau dele vim para a cidade estudar, mas sempre sentia falta do sitio… as coisas mudaram quando minha mae morreu e eu voltei pra ajudar o velho e ficar por perto tambem, entao comecei a cuidar das poucas ovelhas e algumas vacas de leite o velho sempre por perto fazendo o que podia fazer, entao certa vez ele começou a contar as historias dele com ovelhas cabras e tudo que ele aprontava, entao disse a ele que sempre via ele dando pau pra vaca lamber e ele caiu na risada ja to muito velho pra isso mas esperimente se quiser kkkkkkk ria alto, sem pestanejar assim o fiz, era uma delicia aquela lingua enorme lambendo tudo fiquei de pau duro imediatamente… nao aguentei ali mesmo na frente do meu pai fui pra traz da vaca e comecei a bombar na bucetona dela gozei tao forte que quase desmaiei kkk, o velho disse sai que é minha vez nunca mais tinha fica de pau duro, olhei pro lado e vi uma bezerra que tava em seu primeiro viço, fui tentar chegar perto mas ela ela muito arredia, comecei a me aproximar devagar ate que por fim peguei a acalmei ate que consegui… nossa nao acreditei foi muito bom comecei com uma sirica nela e depois fui metendo tao gostoso lentamente ela comecou a vir pra traz com se quisesse mais, foi adica pra comecar a bombar com força como ja tinha dado uma gozada consegui segurar bastante… foi maravilhoso agora toda primeira viço é minha das bezerras e das ovelhas tambem… mas isso eu conto outra horaDia 27/11/12 Fui ao supermercado Bretas do centro e na hora de colocar compras no carro decidi dar uma espiada no banheiro do estacionamento. E se deitou e ela montou aquela buceta em cima em cima dele, o padre ficou olhando a buceta dela engolir cada centímetro de seu pau. falei – re , chupa que nem voce ta vendo no computador , e ela começou a empurrar a rola pra dentro da boca deixando ela toda babada(escrito por Kaplan)"Fernando, que já estava louco de Tesão pela colega de trabalho falou:-Você não precisa ficar com ele, você é inteligente, atraente, muito sensual. Aquiloestava me deixando com tanto tesão que eu esqueci completamente de onde estava e com quem estava.

Fiquei passando a mao na rola dele até ficar durinha e eu gostei muito, ja tinha ate ficado de 4 e ele fingindo q tava mr comendo de roupa, mas oq eu qria msm era dar pra ele e chupar de verdade.